segunda-feira, 22 de julho de 2013

1º Capítulo da nova fan fic

Oi oi,
nem acredito que o mês de Julho já está quase acabar! Só de pensar que estou a 1 mês e cerca de 2 semanas das aulas começarem outra vez fico nervosa. Este ano vamos para o secundário onde tudo o que fazemos conta, e todas as notas abaixo de habitual que tivermos podem fazer com que não entremos na universidade. Para não falar que estamos numa turma nova com pessoas desconhecidas, com disciplinas novas.....



Mas não foi dos meus nervos que vim aqui falar. Vim trazer-vos o 1º capítulo da minha fic. Chama-se Os caminhos cruzam-se. Cliquem em ler mais para ler ;)



Os caminhos cruzam-se





    “ Hoje o dia foi fantástico! O papá voltou a casa depois de vários dias sem aparecer, tenho pena dele, tem tanto trabalho. Não falou comigo mas eu sei que ele é tímido de natureza. Depois na escola recebi o meu teste de Japonês. Tive a nota máxima!! A professora estava contente e toda a gente me deu os parabéns. A minha turma é mesmo fantástica, estou orgulhosa de ser a sua representante. Eu ADORO-OS a todos!!!! E sabes mamã amanhã vem um aluno novo, estou anciosa para o conhecer! Será que é rapariga? Se for tenho a certeza que vamos ser boas amigas! Se for rapaz, também podemos ser amigos! Adoro estar com rapazes são tão descontraídos……”
   Observei Hayashi Asuna a escrever no seu diário. Esta seria uma das participantes do jogo que estava a poucos meses de começar. Nessa altura eu via-a como uma rapariga normal tal como muitas da sua idade. A única diferença era aquela personalidade ingénua que tinha e o seu coração puro que só via o bem nas pessoas. Asuna tem cabelos compridos e pretos (que normalmente os prende em dois tótos) olhos verdes muito claros (bastante claros na verdade) e pele branca. Ela era a melhor na turma dela, e era muito adorada por professores e alunos. Pode-se dizer que ela é a rapariga perfeita.
   No dia seguinte visitei a escola dela, fiquei curiosa porque queria saber como é que ela é a conhecer pessoas novas. Fui mesmo a tempo de ver a professora a anunciar a vinda do novo aluno:
   - Bom dia meninos, hoje temos um novo aluno na turma. Entra por favor!
   A porta abriu-se e entrou um rapaz de cabelo branco na sala. Tinha cara de poucos amigos e aparentava ser mais velho.
   - Apresenta-te aos teus novos colegas por favor.
   - Aquele é o meu lugar? – o rapaz perguntou com um voz tão fria que me fez arrepiar.
   - Ah… Sim, mas não te vais… - a professora parou de falar, pois o aluno misterioso ignorou-a e avançou para o lugar, que por acaso era no fundo da sala mesmo ao lado do lugar da Asuna.
   - Ah… Vamos continuar com a aula….Abram na página 59 por favor.
   Os alunos obedeceram mas continuavam a olhar de lado para o rapaz bizarro que tinha acabado de se juntar a turma.
  " Asuna deve ter ficado desiludida" pensei, mas não podia estar mais enganada. Quando olhei para ela vi que estava vidrada no rapaz, nem sequer tinha aberto o livro na página que a professora indicou.
   -Eu sou Hayashi Asuna e tu?
   O rapaz olhou para a rapariga. Asuna estava com o maior sorriso de sempre, e não parava de olhar para ele. Ele ignorou-a completamente, mas Asuna não desistiu.
   Começou-lhe a mandar papéis com perguntas como: “ Como te chamas?”, “Vens de que escola?”, “ Queres que te faça uma visita guiada pela escola?”. O rapaz ignorou todos, nem sequer chegou a lê-los, mas Asuna não desistiu, e continuou com os papéis.
   - DEIXA-ME EM PAZ, EU NÃO QUERO SER TEU AMIGO– gritou o rapaz e mal disse isto saiu porta fora.
   Toda a gente ficou espantada. Eu pensava que a professora ia perguntar a Asuna o que aconteceu, mas não o fez.
   O aluno novo não apareceu mais as aulas naquele dia. No fim das aulas, a professora perguntou a Asuna se sabia o que se tinha passado. Ela disse que a culpa era dela e implorou à professora para lhe tirar as faltas, ou então ficar ela com as faltas do novo aluno. A professora acabou por tirar as faltas e começou a contar a Asuna um pouco sobre o novo aluno.
   - Ele chama-se Susuki Hikaru. Ele ficou órfão quando tinha apenas 5 anos de idade. Desde aí tem andado por várias famílias de acolhimento, e por causa disso tem andado a saltar de escola e de cidade muito frequentemente. Pobre rapaz…. –  mal a professora disse isto, percebi o porquê de ela não ter reclamado com Hikaru. Para a professora ele era apenas um pobre rapaz que não precisa de mais problemas.
   Quando Asuna soube disto ainda ficou mais decidida em tornar-se amiga dele. 













Então o que acharam do capítulo? No blog isto parece pequeno, mas no Word é 1 página e meia! Eu já tenho o 2º Capítulo pronto, e provavelmente vou postar na 5º feira. Já agora! Amanhã a Angel-chan faz anos! Não se esqueçam de lhe dar os parabéns ;)
Bjinhos :*

3 comentários:

  1. Primeiro: o layout está demais *o*

    Sua fic está muito boa u-u Quero continuação ò_ó Quando sai o próximo capítulo?
    1 página e meia? Rsrssrsr meus capítulos sempre têm 6 páginas ^^"
    Quero mais da sua fic >.<

    Ne ne, te passei um selinho *~*
    http://onceuponatimekyokotakumi.blogspot.pt/2013/07/selinho-e-tag.html?showComment=1374584852864#c9157004632041815425

    Kissus de baunilha!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi oi,
      obrigada :D , e eu demoro bue só para escrever a escrever....Não é que não tenha imaginação é mesmo preguiça XD

      E obriga pelo selinho :D,

      Bjinhos :*

      Eliminar